ARTIGO6

Os 4 erros mais comuns para a inovação corporativa

Você sabe o que é inovação corporativa?

Inovar em uma empresa está além de lançar produtos e serviços ou expandir os mercados que a organização atende, tem a ver com fazer mudanças que agreguem valor para a empresa e sua cultura. Dar liberdade criativa para os colaboradores, utilizar o MVP (mínimo produto viável), trabalhar com a gestão inclusiva e horizontal e dar autonomia para as equipes são ações ligadas diretamente a inovação corporativa.

Como tudo na vida, é normal não acertar de primeira na hora de trabalhar esse conceito no seu negócio. Por isso, neste artigo vamos falar sobre os 4 erros mais comuns para a inovação corporativa.

  1. Estar fechado para mudanças

Quase sempre, o que é muito novo nos assusta. Porém, quando você está à frente de um negócio e quer alcançar o sucesso, precisa aceitar esse medo e encarar as novidades que aparecerão.

O jeito que funcionava 3 anos atrás pode não atender a todas as necessidades atuais do mercado e dos seus colaboradores. Inovação não é coisa só para startups e multinacionais, então aceite que em time que está ganhando se mexe sim.

  1. Ter medo de errar 

Você sabia que o Post-it é uma falha? A 3M queria uma nova cola para fita adesiva, com grande capacidade de aderência. Acontece que a cola utilizada no Post-it não se fixava com muita força quando aplicada nos suportes das fitas e foi taxada como “produto fracassado”.

Depois de muito analisar, o cientista Spencer Silver comentou sobre o fracasso em um seminário e encontrou Art Fry, investigador de desenvolvimento de novos produtos. Juntos, eles criaram o Post-it que hoje é de longe um dos produtos mais conhecidos da 3M.

O ponto que essa história levanta é: os erros podem nos ajudar a criar algo totalmente novo e inesperado. É necessário se arriscar para aprender, por isso, aposte em erros pequenos. Permita que seus funcionários testem novas ideias, mesmo que embrionárias e ainda imperfeitas.

Erre rápido e aprenda com mais velocidade ainda.

  1. Não prestar atenção na Cultura Organizacional

Como já falamos em outro artigo, a Cultura Organizacional impacta nos seus lucros e pode auxiliar no sucesso do seu negócio. Ignorar essa parte tão vital da empresa é um erro grave, podendo resultar em colaboradores desmotivados, queda na produtividade e até nas vendas. 

Em todo processo de inovação, seja ele a implementação de novas tecnologias ou comportamentos, é essencial um cuidado intencional da liderança e do RH para garantir que a Cultura da empresa não seja enfraquecida.

  1. Impor fronteiras entre os setores

Se tem algo que toda empresa precisa praticar é a colaboração e acredite: ela vai muito além de alugar espaço em coworking ou derrubar algumas paredes do escritório. Promova a colaboração entre as equipes, ofereça espaço para que todos possam expor suas ideias e apoie as inovações que as equipes proporem.

Lembrando que inovação corporativa não é só tecnologia, às vezes mudar o modelo de negócios ou reorganizar o escritório pode impactar na produtividade dos colaboradores.

Mesmo que cada setor tenha sua especialização, no final todos trabalham diariamente com o mesmo objetivo: o sucesso da organização.

Esses são os 4 erros mais comuns para a inovação corporativa, mas não são os únicos. Analise os processos da sua empresa, faça um diagnóstico e mostre para os funcionários que eles têm voz na organização. Se precisar de suporte e orientação nesse processo, nós temos um time preparado pra te apoiar.

Importante é entender que gerenciar uma empresa com a mentalidade do século XX não funciona no século XXI. E aí, já sabe como vai inovar?

Open chat
Vamos conversar?